Malha ferroviária

As 5 maiores pontes ferroviárias do Brasil

O território brasileiro é muito extenso, além de compreender diversos tipos de relevo. Isso pode trazer vários desafios logísticos ao transporte de cargas e de pessoas. Por estas razões, a construção de vias de acesso exige estruturas capazes de superar os espaços mais variados, como montanhas, rios e vales, rendendo lindas paisagens. Este é o caso de muitas pontes ferroviárias do Brasil, que são posicionadas de forma estratégica para reduzir o tempo de viagens e facilitar a passagem dos trens.

Preparamos este artigo para apresentar algumas das principais pontes ferroviárias do território nacional. Confira-as na sequência!

Entre todas as pontes ferroviárias do Brasil conheça a mais extensa!

pontes ferroviárias do brasil Ponte Rodoferroviária Sobre o Rio Paraná

Para começar a lista das 5 maiores pontes ferroviárias do Brasil, vamos conhecer a Ponte Rodoferroviária Rollemberg-Vuolo, que também é chamada de Ponte Rodoferroviária Sobre o Rio Paraná. O nome da ponte é uma forma de homenagem aos dois parlamentares que mais se dedicaram à sua construção: o deputado Roberto do Valle Rollemberg e o senador Vicente Emílio Vuolo.

Esta ponte é a mais recente dentre as outras presentes na lista, sendo que a sua construção começou em 1991 por iniciativa do governador do estado de São Paulo na época, Orestes Quércia. Durante a década de 1990, as obras sofreram várias interrupções devido a restrições no orçamento do projeto. Finalmente, a sua inauguração ocorreu no dia 29 de maio de 1998, durante o Governo FHC.

O objetivo da sua construção foi o de ligar a cidade de Aparecida do Taboado (MS) à Rubinéia (SP), conectando, portanto, os estados Mato Grosso do Sul e São Paulo através do rio Paraná. A ponte possui 26 metros de altura (em relação à superfície da água), 18 metros de largura e cerca de 3.700 metros de extensão, o que a torna a maior ponte fluvial brasileira.

A estrutura reduziu consideravelmente o tempo de travessia: antes, a passagem pelo rio era feita por meio de balsas e durava por volta de 1 hora e meia, já o caminho possibilitado pela ponte leva menos de 5 minutos.

É importante lembrar que foi a primeira ponte no Brasil projetada desde o início para integrar vários modais de transporte, neste caso, o ferroviário e o rodoviário, sendo que a sua estrutura também permite a travessia de pedestres.

Ponte Eurico Gaspar Dutra

pontes ferroviárias do brasil Ponte Eurico Gaspar Dutra

A segunda posição da nossa lista das maiores pontes ferroviárias do Brasil também é uma ponte fluvial: a Ponte Eurico Gaspar Dutra, recebendo o nome do presidente do país na época. 

A ponte fica situada no estado do Mato Grosso do Sul, próxima à fronteira com a Bolívia. A construção atravessa o rio Paraguai, conectando o centro do município de Corumbá (MS) até ao seu distrito, Porto Esperança. O objetivo da construção era servir como uma solução logística para o transporte de cargas à Bolívia, dando continuidade à extinta Estrada de Ferro Noroeste Brasil.

As obras duraram quase 10 anos para serem concluídas: de 1 de outubro de 1938 até a sua inauguração em 21 de setembro de 1947. A sua extensão é de cerca de 2.825 metros, com 10 metros de largura, sendo que a sua altura chega a 112 metros no seu ponto mais alto.

Ponte Ferroviária de Cacequi

Ponte Ferroviária de Cacequi

Outra construção considerada como uma das principais pontes ferroviárias do Brasil é a Ponte Ferroviária de Caacequi. 

Situada na região central do estado do Rio Grande do Sul, a ponte foi projetada com o objetivo de atravessar o rio Santa Maria, facilitando o trânsito de trens entre as regiões mais populosas do estado e as fronteiras internacionais dos países vizinhos, Argentina e Uruguai.

Com uma estrutura metálica suportada por pilares, a ponte possui por volta de 1537 metros de extensão. O cenário constituído pela ponte, as águas do rio e as areias brancas da Praia dos Dourados é um dos principais cartões postais da região, o que torna o local em um importante ponto turístico.

Viaduto 13

A próxima ponte da nossa lista das maiores pontes ferroviárias do Brasil não chama a atenção por sua extensão, mas sim por sua altura. O Viaduto 13, também conhecido por Viaduto do Exército, tem uma extensão total de 509 metros e possui 143 metros de altura. Isso o torna o terceiro viaduto mais alto do mundo, ficando atrás apenas da ponte de Beipanjiang (275 metros), na China, e do Viaduto Mala Rijeka (198 metros) de Montenegro.

A ponte fica situada entre os municípios Vespasiano Corrêa (RS) e Muçum (RS), sendo que faz parte da Ferrovia do Trigo (EF-491), operada pela Rumo Logística. A sua construção iniciou-se em 21 de julho de 1975 e foi finalizada em 19 de agosto de 1978.

O nome da ponte recebe o número 13, pois é o 13º viaduto construído no trecho entre as duas cidades gaúchas. Devido ao seu caráter montanhoso, a região costuma ser visitada por pessoas interessadas em trilhas, base jumping e rapel.

Ponte Rodoferroviária Marcelino Ramos

Ponte Rodoferroviária Marcelino Ramos

Para finalizar a lista das 5 maiores pontes ferroviárias do Brasil, vamos conhecer a Ponte Rodoferroviária Marcelino Ramos. A construção corresponde à Linha Itararé-Uruguai, que fazia parte da extinta Estrada de Ferro São Paulo-Rio Grande.

A estrutura com 455 metros de comprimento transpõe o rio Uruguai, conectando os estados de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul, mais especificamente, os municípios de Piratuba (SC) e Marcelino Ramos (RS).

Entre as outras citadas na lista, esta ponte é a mais antiga, sendo que ela foi inicialmente construída, a base de madeira, em 17 de dezembro de 1910. Um ano depois, uma enchente derrubou a estrutura provisória. A ponte começou a ser reconstruída em 1913, desta vez, com uma estrutura metálica e mais resistente.

Conclusão sobre as maiores pontes ferroviárias do brasil

O transporte ferroviário é muito importante para o crescimento econômico do país, seja ele utilizado para distribuir produtos pelo território nacional ou para direcioná-los para as zonas de exportação. As pontes ferroviárias do Brasil cumprem um papel muito importante nesse aspecto, rendendo atalhos nas rotas de transporte e otimizando todo o processo logístico.

Fontes:

https://www.cacequi.rs.gov.br/municipio/pontos_turisticos.html

https://www.portaldemarcelino.com.br/portal/ponte-rodoferroviaria/

Deixe seucomentário

pt_BR
en_US es_ES pt_BR