Automação Industrial

Indústria 4.0: O que ela impacta nos negócios

Indústria 4.0: O que ela impacta nos negócios

A busca constante por inovação nos processos e por novas formas de otimizar o trabalho realizado deve sempre estar presente em empresas que desejam ter sucesso no mercado. Com isso, o grau tecnológico utilizado nos mais diferentes setores industriais passou a ser tão grande que acabou gerando uma quarta revolução industrial, também conhecida com indústria 4.0.

Esse conceito, criado na Alemanha em 2011, de uma forma geral, une todas as tecnologias e ferramentas de automação desenvolvidas nos últimos anos no setor industrial que visam otimizar tarefas, melhorar os resultados e aumentar a lucratividade das organizações. Dessa forma, busca-se conectar todos os ativos, maquinários e sistemas da indústria, criando uma rede inteligente que, de certa forma, se torna autossuficiente para administrar as operações necessárias. 

Assim, não estamos tratando da simples troca do trabalho humano por robôs e sim, de um salto tecnológico que permite que funções cada vez mais complexas sejam realizadas sem a presença de um trabalhador. Os algoritmos conseguem aplicar uma velocidade e qualidade que até então era inimaginável.

Diante disso, veja a seguir quais são os princípios básicos da indústria 4.0, qual o impacto que ela pode gerar na dinâmica industrial e como a Massa Pesagem e Automação é a sua aliada nesse processo de automação.    

Os princípios da Indústria 4.0 

Os princípios da Indústria 4.0
  • Descentralização – Além de receber informações e ordens de outros sistemas que integram a arquitetura computacional da organização, as máquinas também conseguem gerar os seus próprios dados, fazendo que seja possível o trabalho de forma descentralizada de cada módulo de operação. 
  • Modularidade – Um dos principais objetivos da quarta revolução industrial é promover uma maior aproximação entre as demandas existentes e a produção, facilitando a personalização de cada produto. Essa mudança visa tornar o processo produtivo mais flexível, fazendo com que não seja preciso realizar alterações de grande escala na cadeia produtiva.   
  • Operação em tempo real – Com a indústria 4.0, o controle das atividades industriais ganha um grande auxílio, a operação em tempo real. Não é mais preciso fazer muitos ajustes na cadeia de produção, pois é estabelecido unidades mais flexíveis de trabalho.   
  • Orientação a serviços – Devido ao controle de todas as operações de forma virtual, é possível realizar a programação de determinadas decisões para acontecerem de forma automatizada seguindo as necessidades momentâneas da produção. O ganho em integração se torna ainda maior na indústria. 
  • Virtualização – Todas as atividades passam a ser controladas através da internet com auxílio de sensores espalhados pela fábrica. Com isso, se torna possível descrever detalhadamente cada processo que ocorre na cadeia de produção, ajudando na detecção de possíveis falhas e a necessidade de ajustes, economizando tempo e também recursos.  

Impactos na dinâmica industrial 

Impactos na dinâmica industrial

Obviamente, por conta de tantas mudanças provocadas, a indústria 4.0 causa um forte impacto dentro das dinâmicas das organizações industriais. Talvez, a primeira delas seja a modificação dos modelos de negócio existentes, alterando a forma como se produz cada produto em larga escala. 

Essa mudança, em parte, é gerada pela alteração ocorrida na forma de consumo de cada produto. Os clientes não querem somente algo que solucione um problema existente, mas ele também precisa ser funcional, prático e que combine com o estilo de vida de cada um. Ou seja, as empresas precisam se empenhar em oferecer cada vez mais soluções específicas para cada cliente.  

Um segundo ponto de impacto perceptível da quarta revolução industrial tem relação direta com os trabalhadores e a demanda de mão de obra. Em um primeiro momento, o que pode ser notado é que existe uma redução na necessidade de atividades manuais e repetitivas, reduzindo drasticamente a necessidade de trabalhadores para essas funções. 

No entanto, não se deve dizer que está ocorrendo “desempregos tecnológicos”, pois desde a Primeira revolução Industrial ocorre essa realocação de mão de obra. De qualquer forma, pode se notar que as mudanças, na atualidade, estão ocorrendo de forma muito mais rápida, obrigando que os trabalhadores se mantenham sempre atualizados. 

Para se ter uma ideia, segundo um estudo realizado pela Dell Technologies, é previsto que 85% das profissões disponíveis em 2030, nem sequer tenham sido inventadas ainda. Assim, diversas carreiras de trabalho podem estar se tornando obsoletas, mas diversas já estão surgindo no mercado para ocuparem os espaços deixados.  

Massa Pesagem e Automação Industrial: sua empresa preparada para o futuro com qualidade e segurança 

Massa Pesagem e Automação Industrial: sua empresa preparada para o futuro com qualidade e segurança

Para a sua empresa entrar de fato na indústria 4.0, é preciso contar com tecnologia de última geração, como as oferecidas pela Massa Pesagem e Automação Industrial, empresa referência no setor de balanças ferroviárias e automação industrial a mais de 15 anos. Com foco constante em inovação tecnológica e o aperfeiçoamento dos processos realizados, a empresa oferece a melhor solução para o seu negócio.

Dessa forma, mais do que oferecer uma simples via de pesagem para a sua empresa, a Massa consegue, com a implementação de trilhos inteligentes, fazer com que a sua organização ganhe em produtividade, fator primordial para a Quarta Revolução Industrial. Com esses trilhos, é possível fazer a pesagem dinâmica dos vagões, aumentando a velocidade do carregamento e descarregamento de cargas.

As BFDs da Massa utilizam as mais altas tecnologias de digitalização de sinais, sendo esses processados ainda no trilho de pesagem, após compilados os dados e sistema gerencial pode ser acessados via browser por qualquer computador com acesso a rede, há ainda modos de compartilhamento dos dados das pesagens utilizando tecnologias como WebService, protocolos OPC, entre diversas outras formas de comunicação no nível de TA ouTI.

As balanças podem ser adicionadas tecnologias de reconhecimento automático do código de vagões em movimento, sendo utilizado pela Massa o OCR, que captura o código do vagões através de uma imagem do mesmo, e também, com a utilização de RFID, onde os vagões são instrumentados com transponders e é instalada juntamente a BFD uma antena de leitura que irá captar automaticamente o código de cada vagão a medida que são pesados em movimento. Este sistemas são auxiliares e possuem um ótimo resultado no gerenciamento de trens, estoque, material rodante entre outras informações.

A funcionalidade das soluções oferecidas pela Massa Pesagem e Automação Industrial vão muito além, transformando o seu negócio em uma empresa que utiliza a indústria 4.0 a seu favor. Entre em contato agora mesmo com um dos nossos especialistas clicando aqui e saiba mais.    

Deixe seucomentário

pt_BR
en_US es_ES pt_BR